Garoto que sonhava ser Marinheiro, Alexandre Chagas, se torna tatuador renomado

Tatuador Alexandre Chagas

Quando alguém fala no nome do Marinheiro Popeye a primeira imagem que vem na cabeça é a força proveniente do espinafre e a tatuagem em forma de âncora no braço. Isso sem falar na engraçada namorada Olívia Palito e no vilão Brutus.

Talvez seja por isso que o hoje tatuador Alexandre Chagas um dia sonhou ser marinheiro quando criança. O sonho não se concretizou mas a lembrança da tatuagem do personagem do desenho talvez tenha contribuído no desejo de se envolver no mundo da tatuagem.

Mais tarde pensou em ser arquiteto, um desejo que ainda nutre nos dias de hoje. Tem guardado dentro de si a vontade de ser pintor mas sabe que seria difícil ter estabilidade financeira nessa área. Por amar muito arte, desenho e flertar com a pintura e arquitetura acendeu uma luzinha em sua cabeça pra trabalhar como tatuador.

Aos dez, onze anos de idade já fazia desenhos aleatórios e começava a ganhar prática nessa atividade. Lá pelos dezesseis anos recebeu dicas de um tatuador que apontou erros nos seus desenhos. Corrigindo esses erros poderia melhorar na tatuagem.

Passou a estudar técnicas em desenho com o objetivo de melhorar e se qualificar como tatuador. Já com dezenove anos começou a guardar dinheiro com as vendas de sutiã pra comprar seu material de trabalho. A forma mais prática e mais barata que encontrou pra começar a estudar foi assistindo vídeos no Youtube. Depois disso abriu seu primeiro estúdio em Bom Jardim, cidade vizinha a Friburgo, local onde mora.

Depois de oito meses trabalhando na tatuagem participou pela primeira vez de uma convenção de tatuadores. Não foi premiado mas ganhou um choque de realidade. Viu no local verdadeiros “monstros” da tatuagem que praticamente engoliam seu trabalho como se fossem Golias diante do pequeno Davi. Mas percebeu que a distância entre eles não era tão grande assim. Eles se destacavam principalmente pela velocidade e pela qualidade que executavam o trabalho. Pra se igualar precisava de muito estudo e muita dedicação.

Depois da primeira convenção fez o primeiro workshop com um tatuador muito conhecido e logo em seguida participou de cerca de seis workshops de tatuadores renomados no país. Na sua segunda convenção, a Oeste Bangu, foi premiado com dois troféus em duas categorias, melhor Neo Tradicional e a Série de desenho.

Após participar de outras convenções abriu um estúdio em Nova Friburgo onde atendia clientes da cidade e de Bom Jardim. Depois foi chamado pra trabalhar em um estúdio renomado da cidade. Tempos depois, na convenção de Teresópolis, já tendo na bagagem um grande número de workshops, ganhou mais uma vez dois troféus. Primeiro lugar em Neo tradicional e primeiro lugar em Full Color.

Tatuador Alexandre Chagas

Colecionando prêmios foi premiado na Maestrink, Tereink, Oestefest e na Tattoo Week Rio, uma das maiores convenções da América Latina, foi premiado na categoria neo tradicional que levou vinte e três horas pra ser finalizada e na categoria old school que levou 8 horas e assim leva mais dois troféus para sua cidade! 

Com apenas 22 anos de idade Alexandre Chagas coleciona prêmios como tatuador

Hoje o garoto de vinte e dois anos que sonhava ser marinheiro tem dois estúdios. Um na cidade onde nasceu, Friburgo e outro em Bom Jardim. Ele não teve apoio no início da sua carreira, principalmente apoio financeiro. Prefere dizer que se formou e se desenvolveu sozinho. Com poucos elogios e apoio moral correu atrás do seu sonho de ser reconhecido. “Tapinha nas costas” sem boa vontade de ajudar isso não conta, diz o jovem, rindo da sua própria piada.

Com três anos como tatuador, dois estúdios onde já passaram figuras ilustres como Carol Nakamura, Dj Yago Gomes, Dj Rogerinho do Quero, PI Quest, MC Lucy, Borge Clout, o jovem tatuador coleciona premiações.

Tatuador Alexandre Chagas

  • Dois destaques Bom Jardim como “Melhor estúdio” e “ Melhor tatuador”;
  • Sete troféus em diversas convenções;
  • Premiado na grande convenção Tatto Week Rio, a maior da América Latina neo tradicional e old school; – Dois troféus na Terre Ink premiado em primeiro lugar Neo tradicional e full color;
  • Master Link em Juiz de Fora em neo tradicional;
  • Duas premiações na convenção Oeste Bangu como melhor nas suas categorias.

Ainda se destaca no aplicativo Tiktok, com duzentos e oitenta mil seguidores no aplicativo recrutados em apenas seis meses, batendo mais de vinte milhões de visualizações e três milhões de curtidas. E mais de sessenta mil seguidores no instagram. Você pode acompanhar seus trabalhos nas redes sociais onde é conhecido como alexandrechagastattoo.

Instagram: @alexandrechagastattoo Tik Tok: @alexandrechagastattoo

Compartilhe esta matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on pinterest