Liberdade do aluguel ou estabilidade da casa própria?

Consultor financeiro César Karam fala sobre as vantagens e desvantagens financeiras de cada modalidade e te ajuda a entender sobre como morar com melhor custo financeiro

Se o imóvel alugado te dá a liberdade de se mudar quando quiser, a casa própria te oferece a segurança de um lar para chamar de seu. Mas decidir por uma das duas opções talvez, hoje, seja o maior dilema dos brasileiros. Para ajudar na comparação, o consultor financeiro e investidor certificado analista CNPI, César Karam, do Canal do Karam no Youtube desenvolveu uma planilha que equaciona gastos e investimentos e revela o que é mais vantajoso financeiramente.

“Primeiro, é preciso entender que o mercado imobiliário é um mercado como todos os outros, que pode valorizar ou desvalorizar por questões que independem de nós. Existe aquela máxima: se eu comprar é meu. Porém devemos nos atentar sempre que ouvirmos a palavra financiamento”, afirma o consultor.

Segundo o especialista, o financiamento está atrelado aos juros, que, ainda que pareçam inofensivos, a longo prazo, podem significar uma enorme quantidade de dinheiro pagos a um banco ou a uma instituição financeira. “O imóvel não é seu até que você pague todas as parcelas, e, em cada uma delas, existem juros que vão se multiplicando e podem chegar a números absurdos. Se você deixar de pagar alguma delas, por algum motivo qualquer, existe o risco de você perder o imóvel e todo o valor que já tenha sido pago ao banco”, alerta.

Na tabela, Karam faz comparação usando dados equivalentes a quem paga aluguel e a quem está em um financiamento. O especialista afirma que cada caso é um caso, e uma das sugestões que ele oferece é investir o dinheiro que seria pago aos juros pelo financiamento da casa própria no mercado financeiro, morar por tempo de aluguel e, no futuro, comprar um imóvel com menos parcelas.

“São muitas taxas, juros, parcelas, que, ao final do período todo, se transformam quase em outro imóvel, sendo que, com o mesmo dinheiro investido, seria uma excelente aplicação financeira com retorno muito positivo”, afirma. “Cada pessoa é responsável pelo seu dinheiro e a planilha foi desenvolvida para dar novas perspectivas”, finaliza.

Karam reforça que todos os casos devem ser analisados separadamente, sempre considerando o valor do imóvel, condições e disponibilidade.

Para saber mais sobre o assunto e conhecer a planilha desenvolvida pelo consultor, assista ao vídeo disponível no canal. César Karam está disponível para participar de entrevistas e falar mais sobre o assunto.

Compartilhe esta matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on pinterest